DiCaprio e Lewis Hamilton se unem em império de hambúrguer vegano

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on email
Email
Share on whatsapp
WhatsApp

O ator Leonardo DiCaprio, que é ativista ambiental, entrou como investidor estratégico no grupo Neat Food, do piloto britânico Lewis Hamilton, que faz hambúrguer vegano.

A marca de alimentos à base de plantas Neat Food está expandindo e vai abrir sua primeira fábrica nos Estados Unidos antes do fim do ano.

Romper nosso sistema alimentar com alternativas sustentáveis é uma das principais maneiras pelas quais podemos fazer uma diferença real na redução das emissões globais”, disse Leonardo DiCaprio em comunicado.

A abordagem pioneira da Neat Burger para proteínas alternativas é um ótimo exemplo do tipo de soluções que precisamos para avançar.”

A empresa anunciou o início de um contrato de US$ 30 milhões de fundos da Série B para impulsionar seu crescimento.

A empresa

A Neat foi lançada em 2019 pelo campeão de Fórmula 1 e Tommaso Chiabra, um dos primeiros investidores da Beyond Meat.

Atualmente, possui oito filiais em Londres, mas o plano é ter 12 unidades nos EUA, uma mistura de lojas físicas e cozinhas-fantasmas, até o fim de 2022.

O carro-chefe será um local físico definido para abrir em Nova York City este ano: a empresa está explorando espaços no SoHo, Bryant Park e Midtown Manhattan.

No total, a Neat espera operar 42 unidades em todo o mundo, inclusive no Oriente Médio e na Itália, até o final do ano.

Nosso foco este ano é entrar no mercado de Nova York e nos estabelecer na comunidade local antes de expandir por meio de nosso modelo híbrido de restaurantes online e offline para outras regiões, como Miami, Austin e L.A. no próximo ano”, disse Chiabra, cofundador e presidente da empresa por e-mail.

De olho no mercado dos EUA

O executivo acrescentou que a Neat está tratando os Estados Unidos como seu principal mercado, visando a operações em 1.000 locais na América do Norte até 2030.

No ano passado, as vendas no varejo de alimentos à base de vegetais cresceram três vezes mais rápido do que as vendas totais no varejo de alimentos, atingindo um recorde nos EUA de US$ 7,4 bilhões.

Espera-se que o mercado global de alimentos à base de vegetais atinja US$ 162 bilhões na próxima década, de acordo com um relatório de 2021 da Bloomberg Intelligence.

A avaliação mais recente da empresa é de US$ 100 milhões, baseada em parte em uma rodada de US$ 7 milhões liderada por Rajeev Misra, CEO da SoftBank Investment Advisers.

Além da expansão no número de restaurantes, a Neat planeja lançar produtos de consumo embalados (CPG) em todo o país nos próximos 12 meses, incluindo seu hambúrguer de frango e cachorros-quentes veganos.

Hambúrguer com jeito e gosto de carne

A Neat inicialmente usou produtos da Beyond Meat para algumas de suas opções, como o hambúrguer duplo recheado com queijo à base de plantas, mostarda e molhos da casa, que custa US$ 12 no recém-inaugurado stand da Neat no UrbanSpace, em Midtown Manhattan.

A empresa mudou para uma mistura própria, mas um teste de sabor recente mostrou um hambúrguer que não necessariamente atrairá os carnívoros de plantão: ele tem a textura mastigável de muitos hambúrgueres veganos, embora o queijo amarelo à base de plantas que se espalha pelas laterais seja tentador.

O que é especialmente notável é o chick’n burger da Neat (US$ 12). Suas aves falsas são surpreendentemente boas, com maionese vegana em um pão bem grelhado. É uma boa opção para quem ainda está envolvido na guerra do sanduíche de frango frito.

Fonte: SNB.